Messi está a 25 gols de igualar o recorde de Pelé como o maior artilheiro de um mesmo clube.
Messi está a 25 gols de igualar o recorde de Pelé como o maior artilheiro de um mesmo clube. / Twitter: @fcbarcelona_br

Leo Messi é com diferença o melhor jogador da sua geração, é único em diversos aspectos e acumula uma vasta coleção de recordes individuais.

Como não poderia ser diferente, o craque argentino poderá seguir fazendo história no futebol mundial em 2020. Começa uma nova década e o FC Barcelona criou uma lista de objetivos de Messi para o novo ano.

Selecionamos apenas os mais relevantes e o primeiro deles já causou bastante ruído no Brasil por estar relacionados com Pelé, o maior jogador do século XX e para muitos o melhor da história.

Superar a marca de gols de Pelé por um mesmo clube

O objetivo de Messi que mais polêmica gerou foi o de superar pelo FC Barcelona a marca de 643 oficiais que Pelé marcou com a camisa do Santos.

O capitão do Barça soma atualmente 618 e está a apenas 25 da marca do lendário jogador brasileiro. Mas no Brasil, muitos perguntam: Mas o Pelé não tem mais de 100 gols?

Se contamos os jogos amistosos, sim. Pelé soma 1091 gols, mas 448 deles não foram marcados em competições oficiais e isso é o que vale na Europa quando se utilizam dados estatísticos.

Desse modo, se Messi mantém a média da última década de mais de 50 gols por ano superaria com sobras a marca do Pelé como maior artilheiro de um mesmo clube.

Abaixo, outros grandes desafios para Messi:

  • Conquistar a quinta Liga dos Campeões da Europa da carreira.
  • Conquistar a sétima Bola de Ouro.
  • Ganhar a sétima Chuteira de Ouro.
  • Conseguir a marca de ser o jogador mais vezes artilheiro do campeonato espanhol (7).
  • Conquistar o primeiro título com a Seleção Argentina.
  • Disputar mais um duelo contra o Real Madrid e se tornar o craque do Barça com mais clássicos disputados (43).