LDSportNews

LDSportNews


Leo Messi: eternamente azul-grená!

Messi com sua quarta Chuteira de Ouro

Leo Messi com suas quatro Chuteiras de Ouro / Manu Fernandez – AP/AE

O mito Leo Messi não para de crescer. A inigualável coleção de troféus individuais do melhor jogador do mundo acaba de aumentar com o recebimento oficial de sua quarta Chuteira de Ouro, em evento ocorrido nesta sexta-feira na Antiga Fábrica Estrella Damm, em Barcelona. Juntamente com Cristiano Ronaldo, o camisa 10 culé detém agora o recorde de troféus deste tipo. Ele marcou 37 gols na Liga Espanhola na temporada 2016/17.

“Os prêmios individuais vêm sempre atrelados aos coletivos e isso é um prêmio de todos, porque sem meus companheiros eu não teria marcado todos os gols que marquei”, disse o atacante argentino, visivelmente emocionado, durante a entrega, feita pelo seu amigo Luis Suárez, vencedor da temporada passada. “Ele é único, pelas coisas diferentes que faz a cada jogo”, elogiou o uruguaio do Barça.

Coração de ouro

Antes da homenagem, crianças da Fundação San Joan de Déu entregaram a Messi um coração de ouro, por sua contribuição com o centro de pesquisa de doenças oncológicas. “Na minha vida é importante ajudar aos que mais necessitam, e com o que posso fazer me sinto feliz de poder ajudar o maior número possível de pessoas”, afirmou o astro.

Presença de familiares e amigos

Leo Messi compareceu à Antiga Fábrica Estrella Damm acompanhado pela esposa Antonella Rocuzzo e um dos filho do casal, Thiago, além de Andrés Iniesta, Sergio Busquets e o próprio Suárez.

“Cresci dentro de campo e a cada dia gosto mais de ser jogador”, disse o homenageado. Perguntado sobre o fato de ter ficado no banco contra a Juventus, ele explicou: “entendo que um ano é longo e é preciso se cuidar, porque as temporadas são cada vez mais duras”.

Renovação oficial até 2021

Um dia após receber a quarta Chuteira de Ouro da sua carreira, Leo Messi voltou a ser notícia mundial ao oficializar a sua renovação com o FC Barcelona até o dia 30 de junho de 2021. Sua nova cláusula de rescisão é de 700 milhões de euros. Sendo assim, o craque argentino finalizaria seu compromisso após 17 temporadas no time principal.

Leo Messi chegou ao Barça em 2000, com apenas 13 anos, oriundo das divisões de base do Newell’s Old Boys, de Rosário, Argentina. Progrediu de maneira frenética, passando por todas as categorias da Masia – Infantil A, Cadete B, Cadete A, Juvenil A, Barça C e Barça B – até chegar ao time principal, pelo qual estreou em 2004 em amistoso contra o Porto, aos 16 anos.

No ano seguinte, aos 17, debutou em jogo oficial, no Estádio Olímpico de Barcelona diante do Espanyol. Pouco depois já marcaria seu primeiro gol, contra o Albacete, no Camp Nou.

Coleção de títulos

Não há marca, prêmio ou título de clubes que não tenha sido vencido por Messi. Sua coleção de 30 troféus pelo Barça – recorde histórico da agremiação, ao lado de Andrés Iniesta – inclui nada menos que oito Ligas, quatro Champions, cinco Copas do Rei, três Mundiais de Clubes, sete Supercopas da Espanha e três Supercopas da Europa.

Em matéria de prêmios individuais, o camisa 10 culé também é insuperável, com um total de cinco Bolas de Ouro, quatro Chuteiras de Ouro – a última recebida nesta sexta-feira – e quatro Pichichis (troféu de artilheiro da Liga Espanhola), entre outros.

Com a camisa do Barça, Messi anotou 523 gols em 602 jogos  (atualizado no dia 25/11/2017), o que faz dele o maior goleador da história do clube e da Liga. Ainda em exuberante forma, ele deve conquistar muito mais. A história continua.

Bartomeu e Messi, juntos

O presidente Bartomeu ao lado de Messi, assinando o novo contrato do craque argentino / FCB

Tags: , , , ,


Share this:

Copyright © 2009 LD SportNews. All rights reserved.